Agronegócios
18/01/2019 20:13

INSS/Vieira: 94% dos trabalhadores rurais são segurados especiais


Brasília, 18/01/2018 - Com a edição de uma medida provisória para rever benefícios do INSS, o governo quer aumentar o nível de exigência de provas na concessão de aposentadoria rural. Atualmente, de acordo com o presidente do INSS, Renato Vieira, 94% dos trabalhadores são segurados especiais, ou seja, produzem em regime de economia familiar, e há "fragilidade" na análise de quem tem direito ao benefício.

Para a aposentadoria rural, a medida assinada nesta sexta-feira, 18, pelo presidente Jair Bolsonaro prevê a criação de um cadastro de segurados que passará a ser, a partir do ano que vem, a única forma de comprovar o tempo de trabalho rural sem contribuição. O sistema deverá ser integrado entre os ministérios da Economia e da Agricultura, além de órgãos municipais, estaduais e federais.

O secretário de Previdência Social do Ministério da Economia, Rogério Marinho, afirmou que "nossa preocupação (do governo) é com o caráter comprobatório" ao editar a medida. (Idiana Tomazelli e Daniel Weterman)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos