Agronegócios
25/11/2020 11:56

Congresso Abitrigo/Barbosa: Tivemos suprimentos normais de cereal para Brasil


Por Leticia Pakulski

São Paulo, 25/11/2020 - O setor de trigo enfrentou "grandes desafios" neste ano, com a pandemia do novo coronavírus, que afetou a vida das empresas e dos consumidores, disse o presidente executivo da Associação Brasileira da Indústria de Trigo (Abitrigo), Rubens Barbosa, nesta quarta-feira, na abertura do 27º Congresso Internacional da Indústria do Trigo. "Tivemos que superar muitos desafios ao longo do ano", afirmou Barbosa.

Segundo ele, o País, que tem 60% do seu consumo de trigo atendido por meio da importação, teve suprimentos "normais". "Não houve problemas na importação", disse. "Também conseguimos superar dificuldades iniciais no abastecimento interno." Barbosa se disse otimista com uma perspectiva de saída da pandemia com a chegada de vacinas contra o novo coronavírus, o que deve contribuir para "dinamização do mercado" e "volta do crescimento".

O presidente do Conselho Deliberativo da Abitrigo, João Carlos Veríssimo, afirmou que as políticas governamentais voltadas à ajuda emergencial foram "fundamentais para manutenção da renda mínima da população mais carente" e ressaltou as adequações que a indústria precisou fazer para seguir operando com segurança. "O setor moageiro mostrou sua resiliência nesse ambiente, adaptando-se rapidamente e garantindo abastecimento à toda cadeia do trigo apesar de todas as dificuldades encontradas", disse Veríssimo.

Ele destacou, ainda, que a incerteza sobre o futuro da economia levou a uma forte desvalorização do real, "pressionando de forma importante os custos e o capital de giro das empresas". Ainda conforme Veríssimo, o aumento do consumo de produtos alimentícios com a decisão de alguns países de formar estoques preventivos contribuiu para um aumento do custo de matérias-primas, como o trigo. "Após muitos anos, vemos novamente o crescimento mundial dos índices de inflação de alimentos."

Contato: leticia.pakulski@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2021 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos