Agronegócios
10/06/2019 14:47

Inflação/CNA: preço de alimentos foi decisivo para queda do IPCA em maio


Por Tânia Rabello

São Paulo, 10/06/2019 - Os preços dos alimentos contribuíram de maneira decisiva para que a inflação em maio fosse a menor para o mês em 13 anos, informou, em nota, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). De acordo com a entidade, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), subiu apenas 0,13% ante abril. "Foi uma desaceleração significativa no ritmo de alta dos preços em geral na comparação com abril, quando a inflação subiu 0,57%", diz a CNA.

Ainda conforme a entidade, o destaque para o mês passado foi o subgrupo de alimentação e bebidas, com -0,56%, revertendo alta de 0,63% em abril. "Levando em conta apenas os alimentos consumidos em domicílio, o resultado foi ainda melhor, com deflação de -0,89%."

"Se não fosse a queda dos preços desses alimentos, o IPCA de maio teria sido o dobro da inflação verificada", explica a CNA. As maiores quedas verificadas nos preços dos alimentos foram no tomate (-15,08%), mamão (-14,75%), maracujá (-14,16%), manga (-13,13%), feijão carioca (-13,04%) e feijão preto (-8,76%).

Contato: tania.rabello@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos