Agronegócios
10/07/2020 10:10

Trigo/Argentina: bolsa de Rosário corta estimativa de safra 2020/21 para entre 18 Mi/t e 19 Mi/t


Por Isadora Duarte

São Paulo, 10/07/2020 - A safra de trigo 2020/21 da Argentina deve atingir de 18 milhões de toneladas a 19 milhões de toneladas, projeta a Bolsa de Comércio de Rosário, em relatório. A nova estimativa representa um corte de 3 milhões de toneladas ante a previsão anterior da Bolsa, de colheita entre 21 milhões de toneladas e 22 milhões de toneladas.

A redução na safra deve-se à queda na produtividade observada nos lotes já semeados e da menor área plantada. Ambas as condições ocorrem em virtude da falta de chuvas na área agrícola do país que deixou os solos em estresse hídrico. "Passar pelo resto de julho e agosto, os meses mais secos do ano, nessas condições, será um grande desafio para a safra. Se nenhuma chuva significativa ocorrer neste período, mais de 200 mil hectares de trigo podem ser perdidos por causa da seca", afirma a Bolsa.

Até o início de maio, a Bolsa de Rosário projetava que as lavouras de trigo cobrissem 7 milhões de hectares no ciclo 2020/21. Agora, a bolsa estima área plantada de 6,6 milhões de hectares mas, pondera que a área pode cair ainda mais. "A semeadura ficaria limitada em 6,6 milhões de hectares no melhor cenário. Se não chover em 50 dias, podemos perder mais de 200 mil hectares de lavouras de trigo", alerta, na nota. Segundo estimativa da entidade, ainda faltam ser plantados 1,3 milhão de hectares do cereal.

Segundo a entidade, outro problema que afeta a safra tritícola argentina é a falta de fertilização. Exceto as províncias de Buenos Aires e Entre Ríos, a maior parte da área semeada foi instalada sem aplicação de adubos nitrogenados. "Este é outro fator que prejudica o potencial de rendimento", acrescenta a entidade.

Contato: isadora.duarte@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos