Economia & Mercados
21/11/2017 16:18

Embraer antecipa fim do layoff na fábrica de São José dos Campos


A Embraer antecipou o fim do acordo de layoff na fábrica em São José dos Campos (SP). Antes previsto para dezembro de 2018, o término do acordo passou para dezembro deste ano.

Iniciado em janeiro, o programa previa que 1.080 funcionários da Embraer - 600 da área de aviação comercial e 480 da aviação executiva -, em sistema de rodízio, teriam seus contratos de trabalho suspensos por até cinco meses.

Desde então, 350 trabalhadores tiveram de fato seus contratos suspensos, informou o Sindicato de Metalúrgicos de São José dos Campos, em nota.

Na visão dos sindicalistas, o fim antecipado do layoff é uma boa notícia para os trabalhadores. Porém, eles entendem que o término do programa reflete o "momento positivo vivido pela Embraer", e seguem reivindicando maior reajuste salarial e pagamentos mais altos de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) mais altos. Os metalúrgicos estão em campanha salarial e já rejeitaram a proposta de reajuste de 1,73%.

"A empresa vive uma ótima saúde financeira e, mesmo assim, mantém os trabalhadores à margem deste cenário", afirma o vice-presidente do Sindicato, Herbert Claros.
Para ver esta notícia sem o delay contrate um dos produtos Broadcast e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos