Economia & Mercados
04/12/2017 20:20

UE: ministros apoiam plano de resgate para Grécia em meio a crescimento decepcionante


Bruxelas, 04/12/2017 - Os ministros das Finanças da zona do euro apoiaram um plano para Grécia para garantir futuros pacotes de resgate, em meio a um crescimento decepcionante da economia do país.

Os negociadores do resgate chegaram num acordo provisório em Atenas, no sábado, e as autoridades em Bruxelas disseram que os ministros dos países da zona do euro planejaram finalizar o acordo em janeiro.

"São notícias muito boas. Tem sido um trabalho difícil e isso mostra um comprometimento de todas as partes, disse Jeroen Dijsselbloem, que chefia as reuniões de finanças da zona do euro.

Ele disse que não houve discussão hoje sobre o tamanho e o calendário para o pagamento dos próximos desembolsos.

Sob o acordo firmado no sábado, o governo se comprometeu em expandir a privatização da companhia de energia estatal e acelerar esforços para diminuir o volume de empréstimos de má qualidade nos bancos - medidas politicamente impopulares.

Atenas já concordou em continuar com as medidas de austeridade por pelo menos outros dois anos, na esperança de que as dificuldades dos gregos se atenuem pela volta do crescimento.

A economia do país cresceu a um taxa anual de 1,3% no trimestre anterior, de acordo com relatórios de uma agência nacional de estatísticas independente, aquém das expectativas ambiciosas do governo e da União Europeia.

Sem uma revisão, os números preliminares de crescimento sugerem que a Grécia pode não conseguir atingir a meta de crescimento anual de 1,6%. Fonte: Associated Press.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos