Economia & Mercados
09/02/2018 20:58

International Meal Company recebe proposta de fusão com a Sapore


A International Meal Company (IMC) recebeu uma proposta da Abanzai Representações, controladora da Sapore, para fechar uma fusão. A Sapore tem sede em Campinas, interior de São Paulo, e possui operações em 20 Estados no Brasil, além de México e Colômbia, além de um escritório na Argentina.

A empresa tem mais de 1.100 restaurantes empresariais, e a receita líquida estimada em 2017 é de R$ 1,6 bilhão, com Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) ajustado de R$ 104 milhões e lucro líquido superior a R$ 34 milhões.

Caso a fusão se concretize, a projeção é que a IMC atinja receita líquida de R$ 3,3 bilhões em 2018, excluindo sinergias. Além disso, o Ebitda seria de aproximadamente R$ 290 milhões. Os ganhos estimados com maior eficiência e sinergias seriam próximos de R$ 130 milhões por ano no Ebitda.

A proposta envolve a aquisição de 100% da Sapore pela IMC, e os atuais acionistas da Sapore receberiam 169.697.205 ações ON que seriam emitidas pela IMC. Assim, os controladores da Sapore passariam a ter o controle da IMC, já que possuiriam, no mínimo, 50,47% do capital. O valor proposto na incorporação é de R$ 8,92 por ação da IMC, que representa prêmio de 11,5% em relação ao preço da última oferta de ações feita pela companhia, em novembro de 2017, e de 6,57% em relação ao início da veiculação de notícias sobre o negócio, no dia 19 de janeiro.

Antes da incorporação, a IMC teria que pagar aos acionistas atuais R$ 355,342 milhões, por meio de combinação de distribuição de dividendos e/ou restituição de capital, o que equivale a R$ 2,13 por ação da IMC. Segundo a Sapore, a combinação dos negócios poderá resultar em uma valorização superior a 40% no preço da ação da IMC, considerando o pagamento extraordinário e os ganhos gerados pelas sinergias.

Outra condição estabelecida na proposta é que antes de a incorporação ser aprovada em Assembleia Geral Extraordinária (AGE), a IMC deverá ter valor de mercado, após o pagamento extraordinário, de R$ 1,13 bilhão, com base no preço médio da ação nos 30 dias anteriores. A Sapore terá que apresentar um valor de mercado de R$ 1,152 bilhão.

A Sapore assume como premissa que a dívida líquida da IMC esteja em R$ 7,7 milhões, e da Sapore em R$ 74,4 milhões.

Na proposta enviada à IMC, a Sapore recomenda que seja convocada AGE pela IMC ainda no primeiro trimestre de 2018. A proposta, enviada oficialmente nesta sexta-feira, 9, tem validade de 15 dias.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos