Política
30/11/2017 14:43

PSDB fará reunião na próxima quarta para decidir se fecha questão sobre reforma da Previdência


Brasília, 30/11/2017 - O presidente interino do PSDB, Alberto Goldman, afirmou nesta quinta-feira, 30, que marcou uma nova reunião do partido para decidir se o partido fechará questão sobre a votação da reforma da Previdência. O encontro será na manhã da próxima quarta-feira, dia 6.

Segundo ele, a ideia é reunir a Executiva do sigla, além das bancadas na Câmara e no Senado. O fechamento de questão sobre um tema é uma decisão tomada pela maioria. Quando isso acontece, os parlamentares daquela legenda que votarem de forma diferente ao que determinou a direção da sigla podem ser punidos até mesmo com a expulsão.

"Vamos reunir as bancadas na Câmara e no Senado e a Executiva, que vão decidir a posição definitiva do partido em relação à reforma da Previdência", disse Goldman após reunião na sede da legenda em Brasília.

Segundo Goldman, informações que chegaram a ele dão conta de que o governo tentará colocar o tema em votação na semana que vem. "Não sabemos qual é o substitutivo que vai ao plenário. Na quarta acredito que já tenhamos o texto do projeto para termos uma posição definitiva do partido."

O presidente interino da sigla, porém, evitou antecipar sua posição sobre o assunto. "Não quero dar a minha opinião agora. Acho que a Executiva terá que decidir, não será uma posição individual", disse.

Questionado se o fato de a reforma da Previdência ser uma das bandeiras do PSDB não implicaria em um alinhamento "incondicional" do partido, Goldman negou. "Não há nada incondicional. Nenhum partido tem que ter posição incondicional." (Thiago Faria e Julia Lindner)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos