Política
23/02/2021 08:49

Bueno (Cidadania) cobra CVM que investigue negócios da Petrobras


Brasília, 22/02/2021 - O vice-presidente nacional do Cidadania, deputado federal Rubens Bueno (PR), informou ter solicitado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) que investigue se houve possível manipulação de mercado na compra e venda de ações da Petrobras.

Na avaliação do parlamentar, a apuração é necessária após a série de declarações do presidente Jair Bolsonaro, iniciada na última sexta-feira com o anúncio da troca do comando da estatal, que provocou uma perda estimada em mais R$ 100 bilhões em valor de mercado da companhia.

“Queremos saber quem vendeu e quem comprou ações da Petrobras antes e depois da declaração do presidente. Isso é necessário para que tenhamos certeza de que quem ganhou tem ou não ligação com Bolsonaro ou com membros da equipe econômica. Um prejuízo desse não pode passar em branco. E nem há como passar a mão na cabeça do presidente. Quem vai pagar os R$ 100 bilhões dessa palhaçada, orquestrada ou não, de Bolsonaro?”, informou o vice-presidente do partido.

Bueno sustenta que o pedido cobra transparência diante no cenário em que as ações da Petrobras despencaram após as falas do presidente. “Precisamos ter certeza de que não foi caso pensado e que não existiu informação privilegiada. Se existiu, é crime gravíssimo e cabe atuação da PGR (Procuradoria-Geral da República) e do Congresso. Se não, servirá para acalmar o mercado”, informou o parlamentar.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2021 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos