Política
22/05/2020 19:02

TO e SE podem viver caos com Covid-19 nas próximas semanas; PR indica melhora, mostra CLP


Por: Thaís Barcellos

São Paulo, 22/05/2020 - O Sergipe e o Tocantins são Estados que inspiram cautela em relação ao combate ao coronavírus, avalia o Head de Competitividade do Centro de Liderança Pública (CLP), José Henrique Nascimento, ao analisar o Ranking Covid-19 dos Estados, obtido com exclusividade pelo Broadcast. Por outro lado, o Paraná é um Estado que pode ter uma situação mais tranquila nas próximas semanas, considerando as informações analisadas no ranking.

Ainda que não apareça entre os primeiros colocados entre os Estados que têm pior atuação contra a pandemia, o Tocantins subiu 20 posições em três semanas, de 27º para 7º, com uma combinação de fatores preocupantes: pequena taxa de isolamento, maior evolução de casos do Brasil e baixa transparência.

Segundo os dados do levantamento, que teve a última atualização semanal no dia 20 de maio, o Tocantins tinha evolução de infectados (medida em escala logarítmica) de 0,78, com isolamento de 36% e transparência, medida pela Open Knowledge Brasil, de 45, em uma escala que vai de zero a 100. O Sergipe, que pulou do 21º lugar para 10º nas últimas três semanas, não figa muito para trás: tem a segunda maior evolução de casos (0,69), isolamento de 47% e transparência de 60.

Hoje, de acordo com as informações do ranking, a taxa de mortalidade por coronavírus no Tocantins é menor do que a metade da média nacional, de 2,19% contra 4,58%, assim como a proporção de casos de Covid-19 por milhão de habitantes (pmh), de cerca de 810 ante 1.355. No Sergipe, o quadro é parecido: a mortalidade é de 1,71%, enquanto os infectados por milhão de habitantes (pmh) somam cerca de 1.340. "Mas podem ser Estados que podem viver o caos nos próximos dias", afirma Nascimento.

Em contrapartida, os números do Paraná trazem boas notícias: a evolução de casos é a mais baixa do Brasil (0,23) e o número de casos por milhão de habitantes (pmh), de cerca de 190, é a segunda menor, embora a taxa de mortalidade ainda seja maior que a média nacional, de 5,52%. "Mas é um Estado com população mais envelhecida, o número de mortes vem subindo, mas de forma gradual." Além disso, o Estado tem índice de transparência de 90. Há três semanas, o Paraná estava em oitavo no ranking. Hoje, ocupa a 19ª posição.

O ranking conta com atualização semanal usa a mesma metodologia do Ranking de Competitividade dos Estados, também elaborado pelo CLP e que vai para sua nona edição este ano. Para análise da atuação perante à pandemia, são usados nove indicadores: a proporção de casos confirmados, a evolução dos casos (em escala logarítmica) e o porcentual de mortalidade de Covid-19, conforme números do SUS, assim como os mesmos indicadores para SRAG, fornecidos pela Fiocruz, além do Índice de Transparência da Covid-19, da Open Knowledge Brasil, e de dados de isolamento social, do Google. O uso de números de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e do índice de transparência ajudam a minorar a falta de informação sobre o coronavírus devido à subnotificação de casos diante da falta de testes, segundo o CLP.

O que dizem os Estados

O secretário de Comunicação do Sergipe, Givaldo Ricardo, afirmou que, com os números atualizados da ONG Open Knowledge Brasil nesta quinta-feira (21), o Estado subiu para sexto lugar no Índice de Transparência, com 86 pontos, nível considerado alto. Além disso, citou o estudo “A Gestão de Risco e Governança na Pandemia por Covid-19 no Brasil - análise de decretos estaduais no primeiro mês”, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que diz que o Sergipe está entre os Estados que mais tomaram medidas contra o coronavírus. O secretário mencionou ainda que o Estado tem decretado a antecipação de feriados e pontos facultativos, além de estar aumentando a fiscalização do isolamento e a testagem da população.

Também procurado, o governo de Tocantins não respondeu até a publicação desta reportagem.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos