Releases
01/10/2019 16:06

Gestão médica próxima ao beneficiário traz conveniência e uma apólice saudável


São Paulo--(DINO - 01 out, 2019) -
Os planos de saúde dentro das empresas representam uma grande fatia do investimento nas pessoas, mas não são apenas os colaboradores que utilizam desse benefício. Além dos titulares, alguns membros diretos da família também podem ser contemplados com a assistência, mas nem sempre a comunicação e as ações promovidas internamente para os funcionários da companhia chegam até esses beneficiários.


Luis Augusto Sales Lima Pilan, diretor médico da GESTO, corretora de saúde baseada em inteligência de dados, enxerga deficiências no modelo tradicional de gestão desse setor nas empresas. “O acompanhamento do colaborador apenas com medicina do trabalho não é suficiente para cuidar da saúde integral. O modelo tradicional restringe na maioria das vezes às práticas ocupacionais do trabalhador, além de excluir os seus dependentes”, comenta.


Para mudar esse panorama, é possível aplicar uma gestão médica especializada com base em tecnologia e inteligência de dados para apoiar na estratégia. Um dos maiores ganhos desse modelo é a proximidade com o beneficiário. Por mais que a empresa faça ações de promoção à saúde, invista em campanhas de prevenção e conscientização, vacinação, dentre outros cuidados, há a dificuldade que toda essa informação chegue a todos os beneficiários, porque não adianta atingir somente o titular e não englobar seus dependentes. Para de fato cuidar de pessoas, é necessário ter um acompanhamento mais próximo do plano de saúde empresarial e um olhar voltado a todos os usuários.


Em função desse ecossistema, a gestão de saúde com um relacionamento mais estreito se torna o ponto chave para o desenvolvimento de boas práticas e incentivo ao autocuidado. Uma das possibilidades desse modelo é estabelecer o canal aberto direto entre profissionais da saúde e beneficiários. Sejam dúvidas sobre procedimentos, indicação de especialistas, processos burocráticos com o plano de saúde e o que mais for necessário, esse usuário do plano empresarial, poderá entrar em contato para solicitar orientações com uma equipe de saúde multidisciplinar especializada.


Esse time também pode auxiliar no agendamento das consultas e exames, e orientar o melhor especialista para determinada queixa, não só indicando os médicos disponíveis por região, mas também de acordo com a sua perfomance o seu desempenho com determinada patologia. Pois a equipe se baseia em dados, o que torna possível ter acesso aos indicadores de performance de cada profissional e recomendar com segurança de que o paciente estará em boas mãos e que seu problema de saúde será conduzido da melhor forma.


Além disso, a equipe médica fica à disposição para o acompanhamento de casos mais complexos como diagnósticos de alta gravidade ou internações, sejam elas para cirurgias, procedimentos ou apenas acompanhamento hospitalar, dando assistência e orientação sobre os procedimentos ao paciente e suas famílias em um momento tão crítico.


Ter uma equipe representando a empresa para apoiar nos processos burocráticos, oferecer suporte, discutir o caso do paciente com a equipe do hospital e disponibilizar apoio até o momento após a alta, na adaptação pós-cirúrgica, é um cuidado imensurável para o colaborador e seus dependentes.


“Com a permissão da empresa, aqui na GESTO fazemos esse acompanhamento bem próximo. Quando é liberada uma cirurgia, por exemplo, recebemos o comunicado do convênio e fazemos o contato para oferecer o apoio médico. Caso o paciente ou a família autorize esse suporte, entramos em ação com o papel de um interlocutor entre o hospital e o beneficiário, sem passar pelo RH ou quebrar o sigilo médico, oferecendo segunda opinião, esclarecendo dúvidas entre outros pontos como em caso de intercorrências e a necessidade de novas liberações do plano, contato com a equipe da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) etc.”, explica o diretor.


Esse acompanhamento, além de promover conveniência aos beneficiários, também auxilia em uma melhor utilização do plano de saúde. Isso porque é possível detectar os pacientes que estão caminhando para um quadro delicado, acionar aqueles que necessitam de acompanhamento, indicar cuidados essenciais para àqueles de determinado perfil e até mesmo relembrar a importância de exames anuais para beneficiários de certo gênero ou idade, funcionando como uma consultoria particular.


“Porque ter acesso à saúde e utilizar muito o plano não necessariamente agrega valor ao cuidado. Existe muito desperdício pelo uso inadequado e pela falta de coordenação do cuidado e orientação. Por isso, estimulamos atitudes preventivas indicamos os melhores serviços e médicos, e oferecemos acompanhamento em fases delicadas, tudo para manter o bem-estar e satisfação do beneficiário e uma apólice também saudável”, finaliza Pilan.



Website: https://www.gesto.com.br

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos