Releases
24/10/2017 09:11

Ravi Brasileiro é uma das atrações do Festival de Artes Instituto Federal do Paraná


Curitiba, Paraná--(DINO - 24 out, 2017) - O Instituto Federal do Paraná está organizando o 2° ARTIF - Festival de Artes Instituto Federal do Paraná. Este evento, sem fins lucrativos, pretende proporcionar para os estudantes experiências e trocas com artes e cultura no geral.

O ARTIF acontece nos dias 30 e 31 de outubro no Instituto Federal do Paraná, Campus Curitiba (R. João Negrão, 1285 - Rebouças, Curitiba - PR, 80230-150).


E para finalizar o primeiro dia do festival com o pé direito, às 17h do dia 30 acontece o show do cantor e compositor curitibano Ravi Brasileiro, autor do álbum Cortinas Abertas (2014), que está produzindo um novo EP, Quiçá que Sacudisse.

Essa é a 6° edição do festival que visa a importância do contato dos alunos com pessoas que estão em diversas áreas culturais para falar abertamente seu envolvimento. Todo ano convidamos artistas curitibanos que trabalham e tem uma vivência na música, para mostrar um pouco do seu trabalho e cativar os estudantes que estão apenas começando a tentar decidir seu futuro.


Mais sobre Ravi Brasileiro
Ravi iniciou seus estudos musicais no Coral Brasileirinho, de 1998 a 2005. Participou depois de diversos outros corais como Petrobras, PUCPR e Universidade Positivo. Estuda guitarra e violão desde 2002, e chegou a formar algumas bandas na adolescência, como a Engels, premiada com o melhor conjunto instrumental no VII MusiCEP, em 2007.
Ainda com 18 anos gravou seu primeiro disco solo - Na Trilha do Elo... e elas perdidas (2009). Em 2012 recebeu o prêmio de melhor composição no X Revele Seu Talento, festival de música da PUCPR, no qual tocou com a Orquestra da universidade. Com 23 anos, lançou seu álbum Cortinas Abertas (2014). Enquanto gravava o segundo álbum realizou o projeto Waltel Para Todos, com 12 shows em homenagem ao maestro Waltel Branco. No principal deles, na Corrente Cultural Descubra Waltel Branco (2013), dividiu palco com Paulinho Moska, Uakti e Lenine.
Foi convidado em 2014 pela Orquestra Sinfônica do Paraná para ser solista e arranjador em um concerto em homenagem ao maestro Waltel Branco no Museu Oscar Niemeyer.
Ravi tem trilhado seu caminho artístico na música, produção e gestão de projetos culturais e se destaca também como exímio dançarino e professor de dança. É o idealizador do projeto Dança Livre a Dois, onde a metodologia utilizada permite que se dance com qualquer pessoa, independente das possíveis limitações, qualquer tipo de música, com liberdade para experimentar movimentos. Faz cada um reconhecer a sua graciosidade inigualável, potencializar sua empatia e a consciência de si em cada parte do próprio corpo.
Está agora em processo de gravação do mais novo disco "Quiçá que Sacudisse" com lançamento previsto para março de 2018. Fruto do espetáculo homônimo realizado no fim de 2016, o disco traz uma pegada mais rock e ganha também alguns elementos da música eletrônica, ainda mantendo toda a singularidade da fluência e da liberdade rítmica que são características marcantes do seu som.

Serviço:
Site oficial: http://www.ravibrasileiro.com/
Link do Evento: https://www.facebook.com/events/319627168514774/?active_tab=about

VRCOM Comunicação Assessoria de Imprensa
(41) 98465.6491 Amanda Lyra
(41) 9914.0097 Vera Rosa

Website: http://www.ravibrasileiro.com/

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos