Releases
27/02/2018 10:28

Último relatório da GSMA destaca o sucesso do dinheiro móvel com mais de 690 milhões de contas no mundo todo


BARCELONA, Espanha--(BUSINESS WIRE-DINO - 27 fev, 2018) -
A GSMA apresentou hoje seu sétimo relatório anual "State of the Industry Report on Mobile Money" (em tradução livre, Estado da indústria sobre o dinheiro móvel), oferecendo um panorama atual do dinheiro móvel e destacando o impacto que uma maior inclusão financeira tem nas vidas, nas economias e na inovação. O relatório mostra a única imagem completa do dinheiro móvel ao redor do mundo. Hoje em dia, com mais de 690 milhões de contas registradas em mais de 90 países, o dinheiro móvel se tornou a principal plataforma de pagamento para a economia digital em muitos mercados emergentes. O relatório mostra que, em 2017, a indústria do dinheiro móvel processou transações no valor de bilhões de dólares por dia, gerando receitas diretas de mais de US$ 2,4 bilhões.

"À medida que os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) entram em seu terceiro ano, a tecnologia móvel está provando ser uma ferramenta essencial para alcançar esses objetivos globais com uma maior conectividade e serviços inovadores que permitem comunidades mais inclusivas", disse Mats Granryd, diretor geral da GSMA. "O dinheiro móvel continua sendo uma parte central desta história, contribuindo para 13 dos 17 ODS, permitindo o acesso a serviços essenciais, como saúde e educação, capacitando as mulheres com oportunidades de emprego e reduzindo a pobreza ao oferecer serviços financeiros que melhoram a vida".

Novas tendências

O relatório mostra uma série de novas tendências em dinheiro móvel em 2017, incluindo o crescimento acelerado da interoperabilidade entre bancos e wallets, a crescente adoção de smartphones, a proliferação de empresas fintech, a digitalização de novos setores da economia e os esforços renovados por empresas e governos para chegar aos mais vulneráveis e desatendidos. A África subsaariana tem sido o epicentro do dinheiro móvel e o crescimento nesta região não mostra sinais de desaceleração - mas à medida que a indústria amadurece, o dinheiro móvel também ganha força em outras partes do mundo. Em 2017, pela primeira vez, o crescimento da indústria foi liderado por outras regiões que não a África. Com um crescimento anual de 47%, a Ásia meridional foi a região de crescimento mais rápido em termos de contas registradas e agora representa 34% das contas registradas no mundo todo.

O crescimento escalado do dinheiro móvel

Um aumento constante de clientes ativos, transações e receitas diretas são sinais de que o dinheiro móvel está evoluindo para uma indústria sustentável e representa um importante motor do crescimento econômico nos mercados em desenvolvimento, particularmente através da formalização dos pagamentos, aumento da transparência e incremento do PIB. Com o dinheiro móvel agora disponível em mais de 90 países, incluindo três quartos dos países de baixa e baixa-média renda, ele se tornou a principal plataforma de pagamento para uma economia digital em muitos mercados emergentes.

A pesquisa mostra ainda que:

  • O forte crescimento nos registros de clientes em 2017 levou à incorporação de mais de 136 milhões de novas contas registradas, elevando o total global a 690 milhões de contas de dinheiro móvel, um aumento de 25% em relação a 2016;
  • Um número crescente de serviços de dinheiro móvel está vendo a proporção de sua base de clientes que regularmente usam seu serviço aumentar para mais de 50%, principalmente quando os provedores possuem uma rede de distribuição forte, habilitam a regulação e confiam mais em um modelo de negócios baseado em conta;
  • Mais fundos estão entrando e saindo do ecossistema de dinheiro móvel em formato digital; os desembolsos em grandes quantidades, os pagamentos de contas e as transações entre bancos e wallets foram os principais impulsores. Em 2017, quase 25% dos fundos recebidos foram digitais, em comparação com quase 12% em 2012; e
  • Muitos fornecedores bem-sucedidos estão diminuindo o custo líquido da rede de agentes; o custo de administrar uma rede de agentes pode representar mais da metade das receitas totais, de modo que essa tendência pode afetar significativamente os incentivos ao investimento.
Considerações futuras

À medida que uma crescente comunidade fintech se posiciona como o portal de entrada para novos serviços digitais, uma série de ferramentas tradicionais seguirá sendo relevante. A persistência da economia de dinheiro em "cash" nos mercados emergentes significa que as redes complexas de distribuição vão continuar sendo cruciais para que os serviços digitais interajam com a vida física. Em um negócio que depende profundamente da confiança, o papel das marcas conhecidas e a compreensão do contexto local também serão essenciais para chegar às pessoas fora do sistema formal. O ambiente político e regulatório vai desempenhar um papel determinante no estabelecimento de incentivos e na definição de ambições nacionais. Conforme os reguladores enfrentam questões relacionadas com a proteção de dados, modelos de negócios e muito mais, o jogo final da política de maior inclusão deve permanecer em primeiro plano. Os provedores capazes de informar e apoiar efetivamente este processo serão os mais propensos a prosperar.

Granryd acrescentou: "Em um mundo cada vez mais turbulento, o dinheiro móvel é uma espécie de boia salva-vidas, com transferências humanitárias digitais de dinheiro e remessas internacionais acessíveis, dando aos refugiados maneiras seguras e convenientes de atender às necessidades urgentes. Também continuamos tentando reduzir a disparidade de gênero no acesso aos serviços financeiros através de programas como a iniciativa Connected Women Commitment".

O relatório 2018 do estado da indústria sobre o dinheiro móvel, bem como informações adicionais sobre o programa Mobile Money da GSMA, estão disponíveis em: www.gsma.com/mobilemoney.

-FIM-

Nota aos editores:

O "State of the Industry Report on Mobile Money" se baseia nos resultados da pesquisa anual da GSMA sobre a adoção dos serviços financeiros móveis e nos dados do "Mobile Money Deployment Tracker" da GSMA, e fornece informações sobre o desempenho do dinheiro móvel no compromisso da GSMA com o setor.

Sobre a GSMA

A GSMA representa os interesses das operadoras móveis em todo o mundo, unindo cerca de 800 operadores com mais de 300 empresas no ecossistema móvel mais amplo, incluindo fabricantes de celulares e dispositivos, empresas de software, fornecedores de equipamentos e empresas de Internet, bem como organizações em setores industriais adjacentes. A GSMA também produz eventos líderes do setor, como o Mobile World Congress, o Mobile World Congress de Xangai, o Mobile World Congress das Américas e conferências do Mobile 360 Series.

Para mais informações, acesse o site corporativo da GSMA em www.gsma.com. Siga a GSMA no Twitter: @GSMA.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:
Para a GSMA
Beau Bass, +44 79 7662 4962
beau.bass@webershandwick.com ou
Pau Guerrero / Gloria Almirall
+34 93 236 09 00
PGuerrero@webershandwick.com ou
Assessoria de Imprensa da GSMA
pressoffice@gsma.com


Fonte: BUSINESS WIRE

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos