Agronegócios
11/10/2017 10:28

CBOT: mercado de grãos tende a abrir em baixa, com cautela para dados do USDA


Chicago, 11/10/2017 - Os futuros de soja, milho e trigo devem abrir a sessão em baixa, nesta quarta-feira, na Bolsa de Chicago (CBOT), refletindo a cautela enquanto aguardam a divulgação do relatório mensal de oferta e demanda do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), que sairá amanhã (12), feriado no Brasil. Até lá, investidores continuam ajustam posições, monitoram o clima no Brasil e especulam sobre o andamento da colheita norte-americana.

Na soja, apesar da cautela, a movimentação de compras pode aquecer o mercado e virar os sinais para o positivo ao longo da sessão. Há pouco, exportadores privados relataram ao USDA vendas de 264 mil toneladas de soja para a China, com entrega prevista para o ano comercial 2017/18, iniciado em 1º de setembro. O país asiático permaneceu fora do mercado na última semana em virtude de um feriado local e o movimento de compras desta semana deve colaborar para o direcionamento dos preços em Chicago. Outras 132 mil toneladas foram comercializadas para destinos não revelados, também para o ano de 2017/18.

Para o milho, traders também ajustam posições para aguardar a divulgação do USDA, cuja estimativa de especialistas ouvidos pelo The Wall Street Journal é de redução tanto na produtividade, quanto nos estoques finais do cereal em 2017/18. Há pouco, exportadores privados também relataram ao USDA vendas do cereal, de 150 mil toneladas para o México, com entrega prevista para o ano comercial 2017/18, iniciado em 1º de setembro.

Já para o trigo, o mercado continua fraco, com ajustes, mas a demanda aquecida pode dar algum fôlego para as cotações. Assim como no milho e na soja, exportadores privados relataram vendas de 104,202 mil toneladas do cereal para o México com entrega prevista para o ano comercial 2017/18. Mais cedo, a agência estatal de grãos de Jordânia anunciou um leilão internacional para comprar 100 mil toneladas de trigo, disseram traders nesta quarta-feira. O país novamente vai ao mercado, após a compra de 50 mil toneladas de trigo no último dia 4 de outubro.

No overnight, a soja para novembro perdeu 0,25 cents (0,03%) em US$ 9,6575 por bushel. O milho para dezembro caiu 1,50 cents (0,43%), a US$ 3,4775 por bushel, enquanto igual vencimento do trigo recuou 2 cents (0,46%), a US$ 4,43325 por bushel. (Nayara Figueiredo - nayara.figueiredo@estadao.com; com Dow Jones Newswires)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos