Agronegócios
16/05/2018 10:24

CBOT: soja deve cair com safra americana e tensão entre EUA e China; milho e trigo podem subir


São Paulo, 16/05/2018 - Os futuros de grãos podem abrir com sinais distintos nesta quarta-feira na Bolsa de Chicago (CBOT). As cotações da soja tendem a começar o dia enfraquecidas, enquanto o mercado acompanha as negociações comerciais entre Estados Unidos e China, paralelo ao progresso do plantio no cinturão agrícola norte-americano. "O otimismo gerado pelo novo encontro de delegações, em Washington, para tratar do embate comercial, aumenta a especulação na expectativa de uma melhora para o cenário de exportações estadunidenses", avalia a consultoria ARC Mercosul em relatório.

Em contrapartida, o ritmo de plantio da oleaginosa atinge níveis recordes com um palco climático quase ideal para o desenvolvimento dos trabalhos no campo. O cenário é favorável para aumento de oferta do grão, o que pode pressionar ainda mais as cotações, quando as tensões geopolíticas saírem do radar. O avanço da soja elimina especulações de que o produtor americano poderia substituir a semeadura da oleaginosa pela do milho acima do esperado. Desta forma, o cereal encontra espaço para uma recuperação de preços na CBOT e deve operar em alta.

Já o trigo, cuja semeadura nos EUA está atrasada e com sinais negativos para a qualidade do cereal americano, encontra suporte na demanda externa voltada para o produto cultivado em outros países. Ontem, foram registradas compras de 60 mil toneladas no Egito, de trigo ucraniano, e outras 100 mil toneladas foram adquiridas pela Tunísia. Em um ambiente de compras aquecidas, as negociações em Chicago tendem a ser influenciadas positivamente.

No overnight, o vencimento julho da soja caiu 6,75 cents (0,66%), a US$ 10,12 por bushel. O milho para julho ganhou 1,75 cent (0,44%), a US$ 4,04 por bushel, enquanto igual vencimento do trigo subiu 3,25 cents (0,66%), a US$ 4,9675 por bushel. (Nayara Figueiredo - nayara.figueiredo@estadao.com, com Dow Jones Newswires)
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos