Economia & Mercados
07/02/2019 19:56

IRB: lucro líquido soma R$ 373 mi no 4º trimstre, alta de 49,7%


O ressegurador IRB Brasil Re apresentou lucro líquido de R$ 372,9 milhões no quarto trimestre de 2018, incremento de 49,7% em relação ao mesmo período de 2017, de R$ 249 milhões. Em todo o exercício passado, o resultado da companhia foi a R$ 1,219 bilhão, crescimento de 31,8% em relação aos R$ 925,0 milhões registrados em 2017.

"A companhia deu continuidade à sua estratégia de crescimento, mantendo o foco em eficiência e rentabilidade. Encerrou o ano de 2018 com um crescimento de 43,2% no resultado de underwriting (subscrição de risco), aumentou sua eficiência administrativa tendo encerrado o ano de 2018 com um índice de despesa administrativa como porcentual do prêmio ganho de 4,8% e manteve sua eficiência na gestão de seus ativos financeiros", destaca o IRB, em relatório que acompanha suas demonstrações financeiras.

O volume de prêmio de resseguro do IRB foi a R$ 1,681 bilhão no quarto trimestre do ano passado, cifra 34,0% maior que a vista no mesmo intervalo de 2017. No exercício de 2018, somou R$ 6,964 bilhões, elevação de 20,4% em relação a 2017. Com isso, ficou dentro do guidance para o ano, de 17% a 21%.

O IRB destaca que, nos próximos quatro anos, a previsão de retomada do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) favorece a expansão do mercado de resseguros, que nos últimos seis anos apresentou um crescimento médio de 21% ao ano. "Ademais, o retorno dos projetos de infraestrutura, somados aos novos leilões da Agência Nacional do Petróleo (ANP), às privatizações e à nova dinâmica para os planos VGBL (previdência), pode trazer um novo impulso para a indústria, uma expansão que pode superar o crescimento do PIB", acrescenta o ressegurador, no documento.

O índice de sinistralidade total do IRB foi a 57,3% no quarto trimestre, aumento de 4 pontos porcentuais ante um ano. Em 2018, porém, ficou em 55,9% contra 59,0% em 2017, uma melhora de 3 p.p.

Como consequência, o índice combinado, que mede a eficiência operacional de seguradoras e resseguradoras, foi de 81,8%, piora de 3 p.p. em um ano. No exercício de 2018, melhorou 3 p.p. ante 2017, para 83,2%. Neste caso, quanto menor, melhor. Acima dos 100% indica prejuízo da operação.

O IRB encerrou dezembro com R$ 15,940 bilhões em ativos totais, aumento de 11,14% ante um ano. O patrimônio líquido do ressegurador era de R$ 4 bilhões, expansão de 11,72%. O retorno do IRB (ROAE, na sigla em inglês) no quarto trimestre de 2018 foi de 40,1%, incremento de 11 p.p. ante 12 meses. No acumulado do ano de 2018, foi de 32,1%, um avanço de 5 p.p. sobre os 26,8% obtidos em 2017.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos