Releases
29/10/2018 16:37

O que você precisa saber antes de comprar ou vender um carro?


(DINO - 29 out, 2018) - Ter um veículo ainda segue como sonho para grande parte da população. A liberdade e as facilidades oferecida pelo automóvel são atrativos para as pessoas - e torna o mercado de seminovos e usados extremamente interessante apesar do cenário de retração econômica do país. Os preços em conta faz com a quantidade de carros negociados entre os consumidores seja muito maior do que a que envolve os veículos 0km. Em agosto, por exemplo, a venda de veículos automotores seminovos e usados cresceu 14,69% em agosto com julho. Apesar do cenário de instabilidade que ainda existe no país, houve um ligeiro aumento de 0,05% nos oito primeiros meses de 2018 em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores). Entretanto, antes de sair para tentar comprar ou vender seu automóvel, é preciso seguir algumas recomendações importantes. Confira: Encontre o preço adequado ao veículoÉ certamente o ponto mais difícil tanto para quem vende quanto para quem deseja comprar um veículo. De um lado, o vendedor que estima um valor elevado pelo seu bem. Do outro, o interessado que deseja negociar para pagar o preço mais vantajoso possível. Até pouco tempo atrás, a tabela FIPE era a principal fonte de referência nesta situação, mas o valor é muito discrepante do praticado pelo mercado por não considerar diferentes variáveis, como o histórico do automóvel e as diferentes versões que um determinado modelo possui. Com o avanço da tecnologia, há programas e aplicativos que conseguem determinar o preço exato para aquele carro específico. Descubra todo o histórico do veículoPara chegar ao preço ideal, é necessário saber tudo o que aconteceu com o carro. Histórico de acidentes, manutenção, vistorias, revisões realizadas, troca de equipamentos, avarias e até mesmo se ele sofreu com enchente ou não são fatores que devem ser levantados e checados antes da negociação. Esses pontos interferem diretamente no preço e qualquer informação falsa ou pela metade pode trazer consequências sérias para as duas partes. Uma das formas de fazer isso é contratar um profissional especializado em inspeção, mas a tecnologia também pode ajudar por reunir todos os dados do veículo em uma única plataforma. Faça um check list de toda a documentaçãoPor fim, certifique-se de toda documentação necessária para levar o negócio adiante. Sem ela, é impossível concretizar a venda e passar o veículo para o novo proprietário. Em resumo, o vendedor deve preencher e reconhecer firma do Certificado de Registro de Veículo (CRV), original e cópia do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), RG, CPF e comprovante de endereço do novo proprietário, duas vias do formulário do Renavam, dois decalques do chassi e comprovante de pagamento da taxa de emissão da nova CRV. Entretanto, antes de chegar nesta etapa, certifique-se de débitos pendentes, como IPVA, e multas antigas. * Roberto Bottura é CEO da Checkprice, empresa especializada na oferta de informações online de veículos, e também disponibiliza serviços de consultas veiculares, regularizações e transferências sem burocracia.

Copyright © 2020 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos